Meu personagem é como + O teste

Oie pessoal, como vocês estão?

Como vocês sabem, O teste foi um dos livros que eu li em maio, e um dos meus favoritos. Ele é um dos últimos lançamentos da editora Única, e o primeiro de uma trilogia.
Não sei se vocês lembram da coluna Meu personagem é como..., mas ela está de volta \0/ depois de muito tempo sem postá-la, acabei ficando inspirada com esse livro, e talvez ela vá aparecer mais vezes por aqui. Espero que vocês gostem :)

Titulo: O teste
Autora: Joelle Charboneau
Editora: Única
Páginas: 320
Edição: 1
Lançamento: 2014

Sinopse: No dia de formatura de Malencia ‘Cia’ Vale e dos jovens da Colônia Cinco Lagos, tudo o que ela consegue imaginar – e esperar – é ser escolhida para O Teste, um programa elaborado pela Comunidade das Nações Unificadas, que seleciona os melhores e mais brilhantes recém-formados para que se tornem líderes na demorada reconstrução do mundo pós-guerra. Ela sabe que é um caminho árduo, mas existe pouca informação a respeito dessa seleção. Então, ela é finalmente escolhida e seu pai, que também havia participado da seleção, se mostra preocupado. Desconfiada de seu futuro, ela corajosamente segue para longe dos amigos e da família, talvez para sempre. O perigo e o terror a aguardam. Será que uma jovem é capaz de enfrentar um governo que a escolheu para se defender?

“Olho ao redor dos prédios e assinto. – Talvez seja a marca de um verdadeiro líder. Admitir um erro cometido e encontrar uma maneira de detê-lo a todo custo”

Antes de tudo, vale ressaltar que O teste NÃO é o novo Divergente ou o novo Jogos Vorazes. Por mais que todos tratem de sociedades distópicas e um pouco de romance, um não é o outro ou uma mistura de dois, não confundam, não comparem.

Agora eu posso falar dos livros kkk’
Depois de muitos estágios de uma guerra que devastou a Terra e acabou com diversos recursos, várias colônias foram criadas no lugar onde um dia foi o Estados Unidos, e todo ano, vários jovens se formam na escola, e alguns são selecionados para participarem do Teste, provas que elegerão os melhores alunos que terão a chance de ir para a universidade e se tornar um médico ou alguém de grande importância. Na colônia Cinco Lagos, lar de nossa protagonista, ninguém é escolhido há uma década, mas Cia ainda tem esperanças de que sua sorte fale mais alto.

“Faz dez anos desde que o ultimo aluno de Cinco Lagos foi escolhido. Sou boa na escola, mas há outros melhores. Bem melhores. Que chance tenho eu?” – página 8 

Os testes são a coisa mais horrível e absurda que eu já vi. As primeiras provas são isso, simplesmente algumas questões de Matemática, História e coisas comuns, mas os próximos desafios são terríveis, e a maioria dos selecionados perderam suas vidas por terem errado alguma coisa nos testes. A frieza dos aplicadores das provas e de todos os funcionários que trabalhavam no prédio me surpreendeu, e surpreendeu ainda mais Cia, mesmo que, de alguma forma, ela já esperasse que coisas assim fossem acontecer.
“Percebo que pode haver qualquer coisa do lado de fora. Colocando o comunicador de Zeen no bolso lateral da minha sacola, eu busco dentro dela por uma última vez. Quando o relógio chega a zero, fico com a sacola no meu ombro e a pequena pistola preta em mãos.” – página 145

A leitura flui muito rápido, as folhas são amareladas (yeey!), mas encontrei uns cinco errinhos de digitação, mas nada que atrapalhe nem um pouco da leitura. Os personagens são inesquecíveis, até mesmo aqueles que pouco aparecem, como a família de Cia e alguns amigos, ou devo dizer inimigos, que ela foi encontrando pelo caminho. De alguma forma, eu sabia que alguém próximo acabaria traindo Cia hora ou outra, por causa do que seu pai disse sobre não confiar em ninguém, e a autora meio que deu algumas pistas, mas não conseguia descobrir quem seria, e quando finalmente foi revelado, quase tive um surto, pois era um dos meus personagens favoritos.
“ – Certo – Tomas sorri. – Com nós trabalhando juntos, como podemos dar errado? E sabe de uma coisa? Estou feliz que você tenha descoberto que alguém está ouvindo, por outro motivo.
- Por quê?
-Porque a primeira vez que eu disser que estou apaixonado por você, eu prefiro não dividir o momento com o doutor Barnes e seus amigos.” – página 198

Como sempre acontece em livros e histórias distópicas, há o “fora das cercas”, o lugar onde ninguém pisa e todos evitam, mas que alguma hora nossos personagens acabam encontrando, e com eles, os rebeldes, ou aqueles que decidiram viver fora da sociedade e que mais cedo ou mais tarde irão lutar contra ela. Em O teste não foi diferente, mas além de rebeldes, temos também criaturas mutantes, humanos e animais que foram modificados pela radiação liberada pela guerra, e Cia acabou dando de cara com alguns deles.

“Meu inimigo mergulha no solo e com sua ultima respiração solta um grito que soa como um pedido de socorro. Pode ser. Porque agora que eu olhei nos olhos azul-escuro do meu agressor eu vejo. Isso não é um animal. Os olhos são inteligentes demais. Bem como aqueles que eu vejo olhando de volta para mim no espelho. O corpo é retorcido e deformado, mas não há duvida. Eu acabei de matar um ser humano.” – página 228 
A escrita da autora me conquistou do inicio ao fim, e eu não conseguia parar de ler. Sentia aquele formigamento na barriga sempre que Cia estava em perigo ou quando algo ruim estava prestes a acontecer, e não é todo livro que me deixa assim, mas um motivo para ter adorado O teste: ele mexeu bastante comigo.
Fico imaginando o que acontecerá a seguir, o que Cia vai fazer e quem mais vai morrer. (sim, infelizmente as mortes que ocorreram no livro me deixaram um pouco abalada). Mal vejo a hora de ler os próximos livros ♥


Meu personagem é como...

Cia (Emma Stone)
Cia é uma das melhores personagens que eu já tive o prazer de conhecer, é corajosa sem ser irritante, e tem seus momentos de idiotice na medida certa. Torci por ela do inicio ao fim, e mesmo sem querer, ficava cada vez mais impressionada com sua forma de agir e pensar. Ela é aquela personagem por quem você torce e quer o bem sempre, Cia não é previsível como eu pensei que seria. Ela enfrenta as coisas como se não importasse com o que acontece ao seu redor, mas por dentro morre de raiva e ódio, e prevejo uma Cia bem vingativa nos próximos livros.

Will e Gill (Menino Ruivo da Vivo)
Will e Gill são gêmeos inseparáveis, mas quem aparece mais é Will, que acaba se tornando amigo de Cia. Gostei bastante dele como personagem, mas também me perguntava se ele tinha um bom caráter e se realmente era amigo de Cia, ou se a estava usando para passar nas provas.

Tomas (Jacob Allen Abel)
Um personagem que se destaca bastante é Tomas (aiai), um dos personagens principais e um rapaz da colônia de Cia que também foi selecionado para o Teste, e como eles já eram amigos antes, acabaram ficando juntos ao passarem pelas provas, se ajudando e apoiando. Acabou que se apaixonaram com o passar dos dias, e vou dizer, foi a coisa mais fofa ♥
Tomas tem lá seus momentos de fraqueza que me fizeram duvidar bastante de seu caráter.

--------------------------*-------------------------------
Esses são os personagens que mais aparecem, e que "duram mais" no livro todo, e os únicos que eu consegui encaixar num rosto conhecido. E para fechar o post de hoje, fiquem com o book-trailer do livro:


31 comentários

  1. Olhando a sinopse me pareceu um pouco com Divergente, porque eu nem sequer assisti Jogos Vorazes... sim, nadinha, mas eu gosto destes tipos de filmes, porque tiram a gente um pouco dos romances!

    Adorei você ter falado do personagem da Vivo. Adoro ele!

    Beijos

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o ruim é que o povo insiste em achar um romance no meio da história né?! mas é um gênero maravilhoso ♥

      Excluir
  2. Ler essa postagem só me deu vontade de ler esse livro... eu o comprei pela capa (confesso) claro que a sinopse foi inspiradora... Saber mais ou menos a promessa que esse livro traz me eixa muito ansiosa... saber que a personagem principal não é tão irritante me deixa muito mais feliz ainda em querer lê-lo... Adorei tudo!!!1 Xero!!!!
    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk' faz tempo que não compro nada pela capa *-* haha' espero que a Cia não comece com frescuras nos próximos livros *-*

      Excluir
  3. Oi Dryh vi uma resenha bem critica em relação ao livro e agora me deparo com a sua, isso é o magnifico do mundo literário né? o que me agrada pode não agradar você. Com sua resenha fiquei mega interessada!
    E agora sei que sera uma leitura minha e em breve! Obrigada!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é, eu também dei de cara com umas duas resenhas negativas do livro, mas fico feliz em saber que a maioria dos leitores gostou...não me sinto um alien...kkkkkk'

      Excluir
  4. Agora com mais vontade de ler o livro RSRSR
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha' me diga se gostar depois, Luiza ^^

      Excluir
  5. Oi Dryh, tudo bem?
    Primeiro, sua coluna é super diferente, gostei. Desde que vi o lançamento desse livro, fiquei curiosa com ele, a sinopse chamou bastante atenção, esse gênero de distopias está agradando muito, veio para ficar, com certeza.
    Agora, eu sei não porque, em todas as distopias, os autores são tão cruéis!!!! Sejam jogos ou testes, porque todo mundo tem que matar todo mundo para sobreviver???
    Mesmo assim, não temos como negar, a qualidade do texto geralmente é muito boa, por isso conquista a todos.
    adorei.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fico feliz que você tenha gostado Cila ^^ haha' não tinha reparado nisso, mas deve ser para prender mais o leitor na história, ou então para mostrar como as pessoas são, o mundo na realidade.

      Excluir
  6. Oie,
    já ouvi falar desse livro, mas infelizmente ainda não consegui ler. Ele esta me chamando muita atenção e só tenho ouvido elogios :D

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. me diga se gostar depois, Vanessa ^^ logo logo chega a continuação ^^

      Excluir
  7. Eu não consigo comparar com divergente nem com jogos vorazes, pois nao li nenhum ainda... Distopia ta tão na moda atualmente que fazer comparaçoes é inevitavel.... mas to com muita vontade de ler o teste e as outras tambem...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. as histórias são bem diferentes, mas o povo insiste em comparar pelo fato dos dois livros serem distopias *-*

      Excluir
  8. Oi
    Quero ler esse livro, pois adoro distopias e pela sua resenha deve ser excelente e sei que vou gostar muito.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. leia sim, Monica, para quem gosta bastante de distopias é leitura obrigatória...rsrs'

      Excluir
  9. Oi Dryh!

    O Teste chegou pra mim ontem e sua resenha em fez começar a ler AGORA hahahahahaha Aiiiiiiiiiii que agonia, parece tão bom! Me irrita também quando comparam com Divergente e Jogos Vorazes, gente, leiam primeiro! Resenha +qd+ ♥

    Beijos
    http://www.estantedasfadas.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk' ebaaa!!! Me diga se gostar depois viu, Carol ^^ odeio que comparem séries!!! *-*

      Excluir
  10. Adorei o "menino ruivo da vivo" huahuahuahua To bem curiosa para ler esse livro. Adoro distopias, então acho que vou curtir a leitura. Vejo resenhas bem interessantes. Essas comparações são inevitáveis porque todas as distopias vão falar de um mundo devastado, etc

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk' ele não saiu da minha cabeça o livro inteiro! pois é, e acho que vão comparar ainda mais por causa da capa, que lembra um pouco de Divergente e Jogos Vorazes *-*

      Excluir
  11. Menino ruivo da Vivo hahahhahaha Foi a escolha mais fantástica! Infelizmente, eu vi uma resenha negativa desse livro que me fez passar longe dele, porque comecei a considerá-lo como mais uma dessas pseudo-distopias. Mas quem sabe um dia eu me aventuro nele! xD Beijos! <3

    bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk' loucas por ruivos ♥ eu também vi umas duas resenhas negativas, mas quem sabe você não lê ele um dia né?!

      Excluir
  12. Caramba.... que história emocionante. Queria saber que teste são esses para se tornarem doutores kkkkkk......
    E a capa, sim, me lembrou os jogos vorazes. Se você não disse que não tem relação alguma com jogos vorazes acreditaria que teria ! kkkkkkkkkkkk

    beijos!

    http://vivasincera.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu acho ela um pouco parecida com Divergente *-* kkkkk' não tem não Jayla, são histórias bem diferentes...

      Excluir
  13. Oiii Dryh!!
    Mas gente esse livo tem cara de ser mto fodah *-*
    E tem um ruivo?/ Ta na lista já XD
    AHUAHUAHA
    bjoos
    http://chacombolacha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Dryh!
    Distopias são sempre interessante porque criam uma realidade diferenciada da nossa, e, ainda assim, um tanto igual, porque tudo gira em torno dos governos e governantes e tem os rebeldes.
    Li algumas resenhas que diziam não ter gostado do livro justamente por causa dos testes aplicados, que seriam infantis para uma distopia.
    Não sei o que pensar.
    Sei que gosto de ficção e quero ler o livro.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu não achei infantis, na verdade quaase chega perto da Arena de JV.

      Excluir
  15. Mesmo não conhecendo o livro, gostei da resenha que despertou a vontade de ler esse livro, talvez seja o próximo nas minhas leituras.

    ResponderExcluir
  16. Sou uma super fã de distopias....E este com certeza me chamou muito a atenção, confesso que sempre acho muito chato comparações bobos entre livros! Li Dezesseis Luas e todo mundo falava em Crepusculo...Nada a ver! Mas voltando o livro creio que será uma leitura que irá me fisgar por completa e não vejo a hora de ter a oportunidade de ter ele na minha estante!

    ResponderExcluir
  17. Jake Abel ♥♥♥♥♥
    Adorei sua resenha, quero muito ler o livro, parece ser muito bom, espero ler em breve ^-^

    ResponderExcluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...