A rede social


Lançamento: 3 de dezembro de 2010 (1h59min.)
Dirigido por: David Fincher
Com: Jesse Eisenberg, Andrew Garfield, Justin Timberlake
Gênero: Drama
Nacionalidade: EUA
Sinopse: Em uma noite de outono em 2003, Mark Zuckerberg (Jesse Eisenberg), analista de sistemas graduado em Harvard, se senta em seu computador e começa a trabalhar em uma nova ideia. Apenas seis anos e 500 milhões de amigos mais tarde, Zuckerberg se torna o mais jovem bilionário da história com o sucesso da rede social Facebook. O sucesso, no entanto, o leva a complicações em sua vida social e profissional.

Quem nunca teve curiosidade de saber como o Facebook foi criado? Mark Zuckerbeg se tornou o bilionário mais jovem do mundo ao criar uma rede social que começou em Harvad e aos poucos foi se expandido para outras faculdades importantes dos Estados Unidos, e em pouco tempo, já abrangia milhares de pessoas em todos os continentes. Mas como isso aconteceu?


Mark teve a ideia quando sua namorada terminou com ele, dizendo que ele era um idiota. Ele então hackeou os sistemas da universidade onde estudava e criou um site onde os outros alunos podiam eleger a garota mais bonita de Harvad. O site ganhou mais de 22 mil visualizações em duas horas, chamando a atenção dos gêmeos Winklevoss, Tyler e Cameron, que tinham a brilhante ideia de criar uma nova rede social, mas precisavam de alguém para fazer os códigos e toda a parte difícil. Mark aceitou, porém aprimorou a ideia e criou o TheFacebook, passando por cima dos gêmeos.


Começa aí então os conflitos e processos. Os Winklevoss contratam advogados e tentam arrancar dinheiro de Mark, alegando que ele havia roubado a ideia de ambos e que os havia enganado. Conflitos também entre Mark e Eduardo, co-criador da tal rede social que foi sendo deixado de lado aos poucos por Mark, que passou a ouvir Sean Parker, um homem que havia criado um site onde era possível baixar e compartilhar música, o Naspar. Eduardo e Mark eram melhores amigos antes de Sean aparecer, mas após ouvir os conselhos do novo sócio, Mark foi diminuindo a importância de Eduardo em sua vida e para o Facebook.


O filme é bem cansativo e tem algumas partes bem chatinhas, mas é muito interessante. Eduardo é quem cuida da parte financeira da empresa, e Mark quem cria os códigos e expande a rede, mas ao longo do tempo, eles vão contratando estagiários. Mark é apresentado como um rapaz inteligente e ignorante, ele se acha superior á todas as outras pessoas e essa foi a gota d’água para o término com sua namorada. Ele também se mostra imaturo e infantil quando tenta se vingar dela, falando mal da moça em seu blog, onde a compara com animais de fazenda. Diferente de Mark, Eduardo se importava com o dinheiro que eles iriam receber com a criação do novo site, mas ele também ajudava por gostar de seu amigo e por se sentir bem fazendo algo tão importante. Ele queria o melhor para a empresa e corria atrás de anunciantes e investidores, não obtendo sucesso.

Sean só queria saber do dinheiro. Ele passou por cima de Eduardo e assumiu o cargo financeiro, e inclusive tirou o rapaz da jogada. Ele ajudou a quebrar uma amizade por conta da ambição, e ver Mark e Eduardo se separarem de tal forma e se tornarem inimigos me deixou chocada, primeiro porque não imaginei que Mark faria tal coisa, e segundo, porque Eduardo foi tão importante na criação do Facebook que eu não pensei que ele pudesse ser colocado de lado.


Enfim, é um filme muito interessante, mas não pense que ele mostra apenas como o Facebook foi criado, ou como era a vida de Mark antes da fama. Ele mostra que não adianta se esconder atrás de um computador e fingir ser alguém que você não é, as pessoas descobrirão sua verdadeira face, de uma forma ou de outra.


Nota: 9

24 comentários

  1. Confesso que eu esperava bem menos desse filme, mas no final das contas acabei gostando bastante dele!

    PS: tá rolando um sorteio do livro A Garota que Eu Quero, lá no blog! Pra participar é bem simples: basta ser seguidor! Corre lá!

    http://maisumapaginalivros.blogspot.com.br/2014/11/promocao-ano-novo-livro-novo.html

    ResponderExcluir
  2. Olá Dry, como vai?
    Eu já gostei deste filme, aliás, fui obrigada a gosta, igual ao filme de Piratas do vale do silício, foi legal também, mas antes de fazer o curso que agora envolve tudo isso, eu não gostei, achava chato e nem compreendia do porque saber disso, mas depois eu vi como é importante saber a partir de quando começou a "era das redes sociais" quem começou e como tudo começou.
    Se não achou este tão interessante, mais ainda vai ver com Windows X Apple que também é bem interessante ^^
    Como disse, foi bom saber como é atrás das telinhas =D

    Beijos flor!
    De tudo um pouco

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é mesmo, tirando as partes cansativas é um filme bem interessante :)

      Excluir
  3. Já vi muitos comentarios sobre esse filme e nunca me chamou atenção, tem cara de ser cansativo e corro disso
    http://contodeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, Dryh. Bom, nunca tive muita curiosidade sobre esse filme, e já ouvi muito sobre os problemas entre o Mark e o Eduardo, mas nunca soube muito bem sobre isso. Adoro usar o facebook, e sei que por trás dessa página há muito rolando, como dinheiro e intrigas. Bom, só assistindo pra saber um pouco mais.

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. para ser sincera eu nem sabia que tinha um Eduardo na história....haha' fiquei feliz por saber mais assistindo o filme *-*

      Excluir
  5. Oi Dryh este filme é um clássico, acho que todos deveriam dar uma olhada por que ele engloba toda a historia das redes sociais e eu acho um máximo!

    Beijos Joi Cardoso
    Estante Diagonal

    ResponderExcluir
  6. Oi Dry!
    Ahh, não conhecia o filme, mas fiquei curioso :D apesar de você dizer que tem umas partes chatinhas. Ainda fiquei com vontade de assistir *--*

    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tirando as partes chatinhas é um ótimo filme :)

      Excluir
  7. Oi Dryh,
    Nunca tive vontade de assistir este filme, apesar de ser usuária do facebook rs. Gostei de saber um pouquinho sobre ele e perceber quanta intriga esteve por trás da criação da rede social. Assim que der, vou assisti-lo. Obrigada pela dica!!
    Beijos,

    versosenotas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha' para ser sincera eu nem sabia que existia o filme até encontrá-lo por um acaso *-*

      Excluir
  8. Não sabia da existência desse filme. Depois dessa sua resenha fiquei super interessado. E bom conhecer o que aconteceu realmente por baixo dos panos.

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de dezembro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu também não sabia até pouco tempo *-*

      Excluir
  9. Oie!
    Eu assisti esse filme dois anos atrás. Minha mãe não se aguentou de tédio, mas eu adorei!
    Muitas pessoas dizem que o filme é cansativo, não deixo de concordar que existem partes bem cansativas, mas é algo que todos deveriam assistir, ainda mais pelo tema abordado. Uma história bem curiosa.

    Beijos, Carol. E um Feliz Natal :)
    pequenaleitora.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tirando as partes cansativas, é um ótimo filme :)

      Excluir
  10. n assisti ainda, vou já procurar

    http://blogquerida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Eu assisti esse filme já faz um bom tempo, mas ele é meio chatinho e ao mesmo tempo bom... eu gostei de saber omo deu inicio e para onde foi... só não gostei do Mark por ter subido muito a cabeça e fazer as coisas horríveis que ele fez isso me deixou revoltada. Mas ao todo foi tudo bem. xero!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uma pena que o sucesso sempre suba à cabeça, né?

      Excluir
  12. Oie, tudo bom?
    Eu já assisti esse filme e foi bem interessante para saber mais sobre o caráter do próprio Mark. Querendo ou não, ele é o nerd por trás dos códigos do Facebook, mas ele realmente pisou em várias pessoas para chegar onde chegou.
    Beijos!!
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu sempre imaginei que ele tinha conseguido tudo sozinho, foi um choque ver tudo o que ele fez *-*

      Excluir
  13. Olá! :D Tudo bom?
    Acredita que eu ainda não vi o filme? É uma história bem interessante, talvez eu pego pra ver agora em 2015.

    Gabriel - umpapoentrepaginas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Olá Dryh!
    Eu cheguei a começar a ver o filme mas não cheguei até o final. Confesso que também fiquei chocada com a separação de Mark e Eduardo. Mas fazer o quê?
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...