A máquina de contar histórias

Título: A máquina de contar histórias
Autor: Maurício Gomyde
Editora: Novo Conceito
Páginas: 192
Edição: 1
Lançamento: 2014
Sinopse: Na noite em que o escritor best-seller Vinícius Becker lançou A Máquina de Contar Histórias, o novo romance e livro mais aguardado do ano, sua esposa Viviana faleceu sozinha num quarto de hospital. Odiado em casa por tantas ausências para cuidar da carreira literária, ele vê o chão se abrir sob seus pés. Sem o grande amor da sua vida, sem o carinho das filhas, sem amigos... O lugar pelo qual ele tanto lutou revela-se aquele em que nunca desejou estar. Vinícius teve o mundo nas mãos, e agora, sozinho, precisa se reinventar para reconquistar o amor das filhas e seu espaço no coração da família V.
Resenha

Os três só tinham uma certeza: aquela havia sido a jornada mais perfeita que jamais poderiam ter vivido... – página 9

Preocupado e ocupado com sua carreira de escritor de sucesso, Vinícius Becker acabou deixando a família de lado, e no dia em que seu novo livro estava sendo lançado, o pior aconteceu: sua esposa, Viviana, faleceu, e ele não estava lá por ela e por suas duas filhas.
Odiado pelas meninas, sem amigos e sem sua esposa ao seu lado, Vinícius percebe o quanto perdeu ao colocar sua família em segundo plano, e decide que vai reconquistar Valentina e Vida, custe o que custar.

Vinicius então deixa seus manuscritos e compromissos de lado, decidido a estar 100% presente para as filhas, e as leva para uma viagem inesquecível pela Europa, conseguindo, aos poucos, destruir a barreira que havia entre ele e a filha mais velha, Valentina, e conquistando ainda mais o coraçãozinho de Vida, a caçula.

Sem amigos, sem esposa, sem filhos. O lugar pelo qual ele tanto havia lutado revelava-se o lugar em que ele nunca havia desejado estar. – página 54

A capa desse livro foi a primeira coisa que me chamou a atenção, mas o que mais me deixou curiosa para lê-lo foi o fato de ter sido escrito por Mauricio Gomyde. Até agora só li dois livros do autor (contando com este), mas ele já é um dos meus autores favoritos graças à O rosto que precede o sonho, então eu tinha expectativas bem altas para com A máquina de contar histórias. Infelizmente, nem todas elas foram alcançadas.

A começar pelo personagem principal: Vinicius. Não consegui gostar do protagonista, achei ele egoísta até mesmo quando estava tentando reconquistar o amor das filhas. Ele não as estava levando para passear para vê-las sorrir, mas sim para que não o odiassem mais. Vinicius deixou sua esposa doente sozinha com as filhas para cuidar de sua carreira, esteve ausente na vida de Valentina e Vida a maior parte do tempo, então não, não foi fácil gostar dele. Tanto que eu não consegui.

Valentina também não foi uma personagem fácil de se gostar. Entendo que ela estava muito chateada com o pai pelo o que ele fez (e o que não fez), mas seu jeitinho de adolescente rebelde só serviu para irritar. Odeio adolescentes rebeldes que fazem birra por tudo, e o fato de Valentina mudar de opinião tão rapidamente também me fez ficar meio, WHAT? Quem ler o livro vai entender do que eu estou falando.
“Papai, você é famoso?” [...] “Não, minha linda. Mas, se vocês duas virarem minhas fãs, eu vou ser o homem mais famoso e feliz do mundo.” – página 132


Não tenho reclamações contra Vida, até porque ela é uma criança, e sua inocência e jeitinho doce de ser pode ter salvado o livro, além do fato de a história ser emocionante e bonita, apesar dos pontos negativos citados acima. Mauricio sabe como prender o leitor na história, então, por mais que eu não tenha gostado dos personagens, não conseguia largar o livro, principalmente quando Viviane aparecia. Queria que ela tivesse aparecido mais *-*

Enfim, A máquina de contar histórias é um livro fácil de ler, curtinho e com uma escrita que consegue prender o leitor, mas o quesito personagens falhou um pouco. É claro que vai da opinião de cada um, mas acredito que todos os leitores desse livro se emocionaram em algum momento, tendo gostado muito ou pouco do livro. Eu acabo ficando no meio desses dois termos, e digo que é um livro que vale a pena ser lido, apesar de não ter entrado para a minha listinha de favoritos.


 

56 comentários

  1. Já tinha visto esse livro algumas vezes, mas nunca tinha parado para ler uma resenha! Sei bem como é isso de um livro ser ~meio termo~, mas coo você disse, depende da opinião de cada um né? hihi Também odeio personagens que fazem birra por tudo ou que são adolescentezinhos chatos hahah
    Um super beijo <3
    docesexpressoes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá,

    A historia parece ser bem legal e deve fazer as pessoas refletirem o que perdem ao colocar a familia em segundo plano. Realmente adolescentes rebeldes enchem a paciência, principalmente quando podia estar sendo mais compreensivos. Adorei a resenha!

    Beijos!

    http://cantinhodacult.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é, mas é bom vê-los crescendo, né?

      Excluir
  3. Conheço o autor e algumas de suas obras mas ainda não me interessei por nenhum livro do Mauricio =S Espero poder mudar isso nesse ano!!!!

    http://livroaoavesso.blogspot.com.br/2015/12/resenha-primeira-chance-abbi-glines.html

    ResponderExcluir
  4. Olá, eu já tinha visto esse livro antes mas nunca li nada sobre ele. Parece mesmo ser uma leitura rápida. eu nunca li nada do autor e fiquei curiosa para ler esse livro, embora eu não esteja com grandes expectativas com a leitura, mas acredito que eu deva gostar dele

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. os livros dele são maravilhosos, Beatriz, recomendo bastante :)

      Excluir
  5. Olá!

    Tenho vontade de ler esse livro, por causa da premissa, em que o leitor facilmente se identifica com a trama. O que me surpreendeu em sua resenha foi que você não o favoritou. O que achei bem legal, pois assim pude ver uma opinião diferente, já que li outras resenhas desse livro, todas positivas.

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acho que foi o único livro do Maurício que eu não dei nota máxima...haha'

      Excluir
  6. Oi,ainda não li nenhum livro do autor... Mas já ouvi falarem muito de suas obras, sinto que assim como você eu não iria gostar muito do Vinicius e a Valentina iria me irritar plenamente, não gosto muito dessas birras e o fato de mudar de opinião tão rápido é meio: "wtf?". Acredito ser uma boa história, mas por enquanto eu tenho outros livros que ganham a prioridade, quem sabe mais pra frente ;) Ótima resenha.
    Beijos
    - Bruna
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. os livros dele são maravilhosos ♥ Super recomendo "Surpreendente" e "O rosto que precede o sonho" :)

      Excluir
  7. Olá!
    Nunca tinha ouvido falar do livro nem do autor.
    A história parece ser legal, interessante, mas não sei se seria um livro que eu leria.
    Abraços, Lara.
    http://www.imperio-imaginario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. É muito ruim quando os personagens não nos cativam ou são bem desenvolvidos. Mas acredito que a história em si vale a pena ser lida mesmo, pois parece emocionante! Quero muito ler, nunca conferi nenhum trabalho do autor.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. espero que você goste do livro, Dessa ♥

      Excluir
  9. Eu sou muito preocupada com personagens assim, que não cativam, que não fazem a gente se envolver e que não aprofundados e desenvolvidos. Eu tinha sido fisgada por essa capa, mas confesso que fiquei meio meh em relação ao livro e sobre o que ele trata. Sua resenha está ótima. Parabéns. :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ah, quem sabe você não acaba gostando, né?!

      Excluir
  10. Olá,
    Conheci o Mauricio na bienal, ele estava no stand da Intrínseca falando com os leitores e recomendando seu livro "surpreendente", mas acabei não falando com ele. Depois fui procura-lo no instagram e vi que ele tinha outras obras publicadas e me interessei por elas. A maquina de contar histórias me parece um livro que mostra esse lado da família, de se separar nos momentos mais difíceis por olharem apenas para o seu lado e por esse motivo despertei o interesse nele. E pretendo ler assim que estiver com dinheiro!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Surpreendente" é surpreendente ♥ haha' é muito lindo. Espero que você goste de "A máquina de contar histórias" :)

      Excluir
  11. Bom... nunca tinha lido livros desse autor.... Mas acontece... é como vc disse,opinião de cada um... nem sempre o livro ou os personagens vão agradar a todos. Bjks!
    Hanna Carolina

    ResponderExcluir
  12. Oi, Dryh!
    Apesar do livro não está entre os seus favoritos, gostei muito da sua resenha e da sinopse. É por isso que vou colocar ele na minha lista.
    Beijokas!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada, Kênya ♥ espero que você goste do livro :)

      Excluir
  13. Oi, tudo bem?
    Tenho muita vontade de ler "A máquina de contar histórias", mas confesso que seus comentários e sua classificação me desanimaram. Apesar disso, ainda vou dar uma chance para o livro, pois talvez eu me surpreenda.

    Abraço!
    Tudo Online | Participe do sorteio do livro "A caixa de Natasha"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. espero que você goste do livro, Sávio :) me conta depois o que achou :)

      Excluir
  14. Oie!
    Que pena que não gostou assim do livro. Quado eu li, me emocionei em vários momentos, e essa leitura tornou-se inesquecível. Gosatei muito da narrativa do autor, e quero conferir mais livros publicados por ele, pois tem um grande talento \o/
    Bjks!
    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fico feliz que você tenha gostado, Carla ♥

      Excluir
  15. Mas é claro que ele perderia colocando a família em segundo plano. Pena que as pessoas só notam isso depois que não dá pra reverter a situação. Apesar disso, senti compaixão por ele, só pela sua resenha hahahaa Adorei
    -Mari

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pois é :/ e infelizmente muita gente é assim, né?

      Excluir
  16. Oi Dryh,
    menina a sua opinião foi a que mais se pareceu com a minha,
    sério eu lia tanta resenha positiva em relação ao livro e
    fiquei detestando a valentina, e me sentindo um et. Até que no finalzinho
    do livro a leitura começou a me prender, mas no inicio foi super chata.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. pior que foi mesmo *-* ainda bem que o autor conseguiu salvar depois...haha'

      Excluir
  17. Com tantos contras em relação aos personagens já me vi desgostando deles sem nem ao menos ler o livro. Quando foi lançado esse livro não me chamou atenção e o pouco de atenção que sua resenha me trouxe, foi ceifada no momento em que começou a falar dos personagens... com certeza seria um daqueles livros que se arrastaria por meses na minha cabeceira e por fim eu largaria por pura falta de paciência... kkkkk... com a correria que anda minha vida, não ando mais me dando ao luxo de empurrar livros chato em doses homeopáticas mais... ta osso... kk

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkk' melhor procurar os favoritados então, né Raíssa? Mais chances de você gostar :) Tenta ler "Surpreendente", é do Maurício também ♥

      Excluir
  18. Oi!
    Também não gostei horrores desse livro não, mesmo o Vinícius falando que foi por medo de perder a esposa que se afastou eu não comprei, e achei meio lol essa atitude, principalmente porque ele deveria saber quando a esposa estava no fim já para tentar ficar com ela.
    E valentina é uma chata mesmo kkkkk Não parava de achar suas ações puro mimimi de adolescente, e que ela tinha que aprender a ser MENAS.

    www.gordinhaassumida.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. exatamente! Ele só foi perceber o que tinha perdido quando aconteceu! haha' concordo com você ♥

      Excluir
  19. oooiii, tudo bem? Concordo com você, a capa chama mesmo a atenção, não só a capa como também o título, um trabalho muito bem feito pelo escritor e pela editora. Agora o protagonista, também concordo com você, mas vamos pensar que pelo menos ele se arrependeu, quantas pessoas deixam a família de lado e nunca se arrependem. :D Beijos
    Sthe - Blog
    http://leesoncre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. é um ponto positivo, mas ainda assim, não dá para perdoar totalmente, né?

      Excluir
  20. Temos um gosto diferente, porque não curti muito O rosto que precede o sonho, mas amei demais A máquina de contar histórias. Quase desidratei de tanto chorar nesse livro... rs... Ah, e eu gostei do Vinicius, senti que estava fazendo a viagem para deixar as filhas felizes sim, tanto que planejou direitinho o roteiro. Pena que não gostou tanto quanto eu!

    Beijo!

    Ju
    Entre Palcos e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. uau... mas pelo menos a gente gostou de um dos dois livros, né? tá valendo...haha'

      Excluir
  21. Olá Dryh,
    Muito ruim você não ter curtido muito a leitura. Esse livro é, de longe, um dos meus favoritos da vida. Acho que o Maurício soube trabalhar muito bem com os personagens e não acho que o Vinícius tenha sido um protagonista ruim, houveram acontecimentos que o tornaram daquele jeito, mas temos muitos gostos distintos :/
    No mais, adorei sua resenha e acho toda opinião válida.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fico feliz que você tenha gostado do livro, Bruna, e até invejo um pouquinho...haha'

      Excluir
  22. Olá!
    Eu adoro a escrita do Mauríco. Gostei muito dessa história e com certeza me emocionei. Ele entrou como o meu favorito do ano. Mas cada um tem uma opinião como você falou.
    Gostei da sua resenha.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. fico feliz que você tenha gostado do livro, Suelen ♠

      Excluir
  23. Olá!
    Nossa... Esse tema do livro é muito tocante.
    A gente fica tão obstinado com algumas coisas que acaba colocando as pessoas importantes da nossa vida em segundo plano e às vezes quando nos damos conta disso é tarde demais.
    Infelizmente ele perdeu a esposa, mas ainda deu tempo de correr atrás das filhas.
    Achei bem interessante a história do livro.
    bjs
    diariodeumapsicopedagoga.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. espero que você goste do livro, Mariana :)

      Excluir
  24. Olá.
    Tudo bom?
    Os livros do Maurício são maravilhosos e esse livro acho que foi um dos mais marcantes, pois o personagem principal só caiu na real após perder sua mulher e junto as filhas que ele nunca deu atenção.
    Chorei horrores lendo.
    Ótima resenha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. obrigada, Michelle ♥ fico feliz que você tenha gostado do livro :)

      Excluir
  25. Olá! Achei bem interessante a história do livro. Mesmo com as suas ressalvas fiquei com vontade de ler. Achei interessante ele tentar recuperar o que restou de sua família...mesmo sendo egoísta. PArabéns pela sua resenha, abraços!

    http://livrosepergaminhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  26. Ooi,
    Já tinha lido algo sobre esse livro e lembro de ter ficado interessada... Quando li, li uma resenha positiva e a sua me fez decidir que tenho que ler para saber se vou gostar ou não!
    Vitória Zavattieri
    Corujas de Biblioteca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. espero que você goste do livro, Vitória :)

      Excluir
  27. Esse autor está em alta né?
    Ainda não li nada dele e estou curiosa, mas sua resenha não me animou muito a ler não!
    Por ser um livro pequeno talvez anime a ler!!
    Otima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  28. Acho tão ruim quando temos as expectativas altas e elas não serem atingidas... Ainda não li nada do Mauricio e confesso que esse é um dos que não está na minha lista. Não sei, para mim parece que faltou alguma coisa já na sinopse e ao ler sua resenha acho que não seria legal escolher esse para conhecer a escrita do autor, mesmo acreditando que ele vale a pena, acho melhor começar por um que é mais que isso e que entra nos favoritos :)
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. os outros livros dele são ótimos, Lica, quem sabe você não acaba gostando?

      Excluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...