Vestido vermelho de sangue - conto

Vestido vermelho de sangue é o nome do conto da Amanda Ágatha Costa (A escolhida, Não tranque a porta), publicado na antologia Demontale, da editora Arwen.

Título: Vestido vermelho de sangue
Autora: Amanda Ágatha Costa (cortesia)
Páginas: 4
Lançamento: 2016
Edição: Conto da antologia Demontale, da Editora Arwen
Sinopse: Era uma vez...uma rainha muito má, que queria controlar todos os reinos dos contos de fadas. Cansada dos finais felizes — principalmente das bruxas e madrastas incompetentes — resolve fazer um pacto com o bom senhor das trevas, Mefisto, para conquistar o poder de Taleland. Porém, o dissimulado demônio começa a agir sozinho, possuindo o corpo dos príncipes e transformando-os em Generais das trevas a fim de trazer o submundo aos domínios. Bestas, espíritos e criaturas infernais, começaram a aterrorizar os contos de fadas e cabe às princesas derrotar as trevas e expulsar Mefisto do corpo de seus amados, para assim salvar todo o reino. O que será que vai acontecer nesta batalha épica, onde as mocinhas terão que se tornar verdadeiras guerreiras? Conte-nos vocês! Convocamos todas as princesas dos contos de fadas para embarcar nesta aventura! Peguem suas winchesters e seus kits contra as trevas! A caçada começa agora!
Resenha

Eu estava querendo ler a antologia desde que a mesma fora lançada, e eu vi como a capa era linda durante a bienal. Mas acabei não o comprando, e, vendo que todos os contos possuíam a mesma fórmula (pelo menos foi o que entendi ao ler algumas resenhas a respeito do livro), decidi que não o faria tão cedo. Não me levem a mal, eu adoro quando são as mulheres a tomarem as rédeas das situações nas histórias, mas imaginei que os contos pareceriam repetidos, por isso desisti do livro.

Mas a autora Amanda Ágatha Costa participou da antologia, e, como autora parceira do blog, ela disponibilizou o conto para que eu o lesse e resenhasse, e aqui estou.

Elisa é uma princesa, e, como tal, possui vários pretendentes. Na noite de um importante evento que acontece no castelo, ela percebe algo de estranho em um dos convidados: o príncipe Guilherme, e, confiando em seus instintos e acreditando nas histórias de seu tio, Raul, de que a família combate demônios, ela entra em ação.

Como Mefisto só podia ser derrotados por mulheres caçadoras, Elisa ficou responsável por derrota-lo durante o baile, para desgosto de seus pais, que não gostavam que Raul enchesse a cabeça da menina de ideias sobre seres demoníacos e criaturas do submundo. Mas ela não podia deixar o reino sucumbir às vontades do senhor das trevas, então precisou fazer algo a respeito.

Diferente do que aconteceu com Não tranque a porta, o outro conto da Amanda, eu não gostei muito deste. Achei a história diferente e interessante, mas as coisas aconteceram rápido demais até para um conto, e eu não gostei muito do desfecho, da forma como os pais de Elisa agiram (facilmente aceitando as coisas depois do que aconteceu [me pareceu um pouco forçado]), e eu não consegui gostar da protagonista.

Ainda assim, é um conto curtinho (questão de poucos minutos), e foi legal conhecer outra história da autora. Estou curiosa para ler os outros contos da antologia agora *-*


*   *   *   *

10 comentários

  1. Oiee
    Até achei a premissa interessante, fazer as princesas virarem guerreiras. Mas aí sei lá, parece que embolou um pouco. O que acontece com a rainha má?
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Eu particularmente não gosto, por achar que em um conto as coisas tem que acontecer rápido demais, sem existir tempo para explicações. E aí você diz que existe uma pequena confusão no desfecho, e isso me fez ficar mais desanimada. Mas a história é no mínimo interessante por fazer as princesas se tornarem guerreiras, isso eu achei o máximo. Mesmo tendo um desfecho não tão legal, segundo você, eu leria sim o conto.
    Boa resenha.
    Beijinhos
    http://www.livrofilia.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá!

    Adoro contos, mas admito que esse não me chamou tanto a atenção, talvez pela pegada fantástica, que não me seduz tanto. Enfim, o trabalho de capa da Arwen está de parabéns.

    ResponderExcluir
  4. Oiii!!

    Eu compreendo seu receio em relação a obra. Tbm ficaria do mesmo jeito, mas que bom que a escrita da autora te fez mudar de ideia em relação aos demais contos.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Oiê, como vai?

    Demontale está na minha listinha de desejados, e estou louca para adquirir um exemplar. Em breve farei a leitura do conto, pois também sou parceira da Amanda, e lógico, estou cheias de expectativas. Sua resenha está linda, aguçou ainda mais a minha curiosidade.

    Beijos,
    Dai | Virando a Página

    ResponderExcluir
  6. Olá, eu acho linda a capa dessa antologia. Eu amo contos, então é uma leitura que eu gostaria de fazer. Ainda não li nada da Amanda, mas quero ler. Uma pena que o conto não tenha te agradado totalmente, mas pela sua resenha ele parece ter uma premissa e personagens interessantes.

    ResponderExcluir
  7. Não curto o tema dessa antologia e também não gosto de contos, ou seja, melhor nem tentar ler... Rs... Saber que você achou que as coisas aconteceram rápido demais e que não gostou muito do desfecho me desanima ainda mais.

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bom?
    Não costumo ler antologias de contos! Uma pena que não tenha gostado desse, ainda mais por já ter gostado de outro da autora. Não curto muito essa premissa de perseguir demônios, então passo a sugestão da vez! Ps: adorei a capa dessa antologia! Muito linda ♥

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  9. Oi, a premissa não me interessou tanto, talvez seja pela fantasia e tal. Achei uma história meio fraca, até para um conto que deve ser curto.

    http://porredelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Olá,
    Ainda não tive oportunidade de ler nenhum dos contos que a antologia nos traz. Achei a premissa bem interessante, principalmente pelo fato de as mulheres tomarem as rédeas por aqui.
    Fiquei intrigada para saber como Elisa conseguiu combater Mefisto e o que os pais acharam disso, já que eram contra. Uma pena que achou tudo muito rápido e que não gostou muito da protagonista.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...