Perdida

Pensem numa pessoa que enrolou horrores para ler um livro, e que, quando finalmente o leu, ficou se remoendo de arrependimento e quase chorou pela continuação. Apresento-lhes a tal pessoa: eu, e o tal livro: Perdida ♥

Título: Perdida
Autora: Carina Rissi
Editora: Verus
Páginas: 364
Edição: 6
Lançamento: 2014
Sinopse: Sofia vive em uma metrópole e está acostumada com a modernidade e as facilidades que ela traz. Ela é independente e tem pavor à mera menção da palavra casamento. Os únicos romances em sua vida são aqueles que os livros proporcionam. Após comprar um celular novo, algo misterioso acontece e Sofia descobre que está perdida no século dezenove, sem ter ideia de como voltar para casa ou se isso sequer é possível. Enquanto tenta desesperadamente encontrar um meio de retornar ao tempo presente, ela é acolhida pela família Clarke. Com a ajuda do prestativo e lindo Ian Clarke, Sofia embarca numa busca frenética e acaba encontrando pistas que talvez possam ajudá-la a resolver esse mistério e voltar para sua tão amada vida moderna. O que ela não sabia era que seu coração tinha outros planos...
Resenha

“Hã... Será que você poderia me ajudar? Estou meio... perdida.” – página 41

Acostumada e dependente de tecnologia, Sofia fica doida quando seu celular cai na privada, e ela precisa comprar outro. Com o salário baixo que recebe (trabalhando num lugar que ela odeia e aturando um chefe insuportável), teria que dividir em várias parcelas. Mas, quando ela chega à loja de celulares e é atendida por uma mulher estranha que lhe oferece um modelo único, com preço baixo, e Sofia tenta liga-lo, tudo vira de pernas para o ar.

Ela acaba sendo transportada para o século XIX, mais precisamente, para o ano de 1830, e é encontrada por um jovem rapaz que acredita que Sofia foi assaltada (já que ela usava roupas “inadequadas” que deixavam suas pernas de fora) e a leva para sua mansão, acolhendo-a. Ian Clarke havia herdado uma casa belíssima e muitas responsabilidades, mas ele era um homem muito atencioso e queria porque queria que Sofia ficasse acomodada em sua residência, até que ela encontrasse uma forma de ir embora.

É claro que ela não disse ser do futuro, afinal, quem é que acreditaria? Sendo assim, Sofia apenas contou que não sabia como voltar para casa, mas que logo encontraria um jeito de fazê-lo. Até lá, ela precisaria ficar na casa de Ian. Era isso ou passar fome na rua. De qualquer forma, ela não teria telefone, micro-ondas e nem mesmo banheiro, então, por que não aproveitar que tinha um lugar para morar (por enquanto) e ver o que iria acontecer?

Primeiramente: a Sofia é incrível, e, assim como todas as outras personagens da Carina, é hilária! A forma como ela fala e se comporta dois séculos antes do seu, pouco se importando com as regras de etiqueta (até porque ela não era bem delicada, e sentar ereta não era algo que conseguia fazer muito bem), e como tratava os outros personagens me fez rir muito, principalmente quando ninguém entendia suas gírias ou quando Ian sorria e tentava falar igual.

“Sinto que posso... flutuar quando estou com você. Como se fosse capaz de realmente voar! Sinto-me completo pela primeira vez, Sofia. Há uma força em você que me atrai, que me arrasta para perto, uma força inexplicável que turva meus pensamentos. Não consigo pensar em nada mais, apenas em como seria tocar seu cabelo... segurar sua mão...” – página 158

E por falar em Ian... Apague a minha lista de crushes literários, porque eu vou começar de novo, e Ian está no topo. Que personagem! Ele é maravilhoso, e a forma como se comportava diante de Sofia (envergonhado sempre que fazia algo que a incomodava ou a deixava irritada, corando quando ela falava sobre coisas que, naquela época, eram meio que proibidas, e sorrindo quase sempre) me deixava sorrindo que nem idiota e me fazia reler várias páginas só para sorrir mais uma vez. Já conheci muitos personagens de romances de época que eram apaixonantes (e põe muitos nisso), mas Ian foi, de longe, o mais apaixonante.

Sem contar os personagens secundários, que também são ótimos. Elisa, a irmã mais nova de Ian, Theodora, melhor amiga de Elisa, alguns dos empregados da casa, Nina, a melhor amiga de Sofia (no século XXI), e até Storm, o cavalo de Ian. Mas, claro, Sofia é, de longe, a mais desenvolvida e com personalidade mais forte, o que me fez gostar ainda mais dela.

“Eu te amo, Ian. Não importa para onde eu vá nem quanto tempo passe. Vou te amar  pra sempre.” – página 245

Adorei o livro em si (tirando alguns errinhos aqui e ali, mas é uma edição antiga [comprei num sebo] então a gente perdoa), adorei o desenvolvimento da história, os bailes, os passeios de Sofia e Ian pela propriedade (aawn), os sentimentos aparecendo aqui e ali, a confusão e o descobrimento de seus primeiros amores, o medo de ficar presa no século XIX, e, depois, o medo de ter que ir embora. Eu torcia para que ela ficasse no momento em que Ian apareceu, maaas, como nós, leitores, sempre percebemos as coisas antes dos próprios personagens, Sofia demorou para perceber que estava apaixonada...hehe’

Estava morrendo de medo de que Sofia fosse mandada de volta para casa desde o começo, porque eu sabia que isso iria acontecer em algum momento, teria que acontecer, certo? Para dar uma tensão e um clima. Pelo menos nos outros livros “parecidos” que eu li, isso acontecia. Mas a autora me surpreendeu com o final, eu não sabia se ria ou se chorava (fiz os dois, de qualquer forma), e antes mesmo de fechar o livro, já queria a continuação. Quero para ontem! Não sei como pude enrolar tanto para ler Perdida, devia tê-lo feito há tanto tempo! OMG preciso de Encontrada *-* Carina Rissi conseguiu, mais uma vez, me surpreender e me deixar encantada com seus personagens. Leitora arrasada com sucesso.

“Você é incrível, Ian! [...] Você foi a melhor coisa que encontrei aqui, sabia? ” Então seus lábios se abriram em um sorriso de tirar o fôlego, os olhos brilharam e eu achei que meu coração fosse parar de bater.

22 comentários

  1. Oi, tudo bem?
    Ok, tenho que te recomendar OUTLANDER, porque isso lembra TANTO a premissa do livro! Que história LINDA! Quero ler, quero conhecê-los! Está na minha lista de desejos!

    ResponderExcluir
  2. Oiii.
    Então pensa uma pessoa que enrola para ler esse livro até hoje?
    Euzinha!
    Quero muito ler esse livro mas sempre enrolo e começo outro.
    Adorei sua resenha.
    Beijos
    www.doceestante.com

    ResponderExcluir
  3. Oi, Dryh!
    Senti a mesma coisa que você quando terminei Perdida, "por que não li esse livro antes???". rsrsrs... Além de querer logo a continuação, mas ainda não pude. :( Comprei o livro em um sebo em 2012, é a edição da editora Baraúna. Antiga! rsrs...
    Ian lindo demais, né? <3
    Beijão!
    http://www.lagarota.com.br/
    http://www.asmeninasqueleemlivros.com/

    ResponderExcluir
  4. oi flor, eu li a edição da baraúna lá trás kkk faz anos e confesso que de cara não tinha dado grande coisa pelo enredo, achei legal e só, mas Carina transformou as palavras e elas se tornaram uma trama impossível de largar!eu fiquei e ainda estou apaixonada pelo enredo
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi amore,
    Tenho esse livro na estante, mas até então não li - mas com sua resenha confesso que fiquei curiosa e vou colocar na fila de leitura já.
    Parabéns pela resenha!
    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  6. Ai céus, lá vem Perdida de novo, vamos debater sobre o livro por horas criatura, o primeiro livro da Carina foi o que me fez voltar a literatura nacional, amei cada página e também me identifiquei diversas vezes com a Sofia, mesmo amando mais a Luna que é bem cabeça dura assim como eu. Quem não ama o Ian? Pelo amor de Deus, eu quero um homem daqueles pra mim, pode ser do século passado ou de agora, tanto faz, mas que seja igual a ele, pois o melhor de todos os personagens com TODA certeza é o Ian. Tu já leu os outros da série Perdida? Já leu No Mundo da Luna? SUPER RECOMENDO TODOS!
    http://k-secretmagic.blogspot.com.br/
    Xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiee ^^
      Li "No mundo da Luna" e também adorei. Acho incrível a forma como a Carina escreve ♥ da série Perdida eu só li o primeiro...por enquanto...hehe' Campanha #QueroUmIanPraMim

      Excluir
  7. Esse livro é tão antigo, a história é tão boa, não sei porque ainda não li, estou perdendo tempo! Carina definitivamente te ganhado espaço no mercado editorial e acho que está na hora de conferir suas obras. Não sabia que a história começava assim, adorei!

    ResponderExcluir
  8. Olá ♥
    Ainda não tive contato coma escrita da Carina, mas não vejo a hora, pois minhas leitoras me recomendam muito. De tanto ler resenha desse livro já me sinto super familiarizada com o enredo. Acho que também ficaria com medo da nossa protagonista ser mandada embora. A premissa desse livro me encantou desde a primeira vez que eu li a capa eu não preciso nem falar né? Espero em breve poder fazer a leitura desse livro, beijos !

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Eu nunca li nada da Carina, mas tenho certeza que vou amar essa série e vai valer super a pena, porque eu amo romances de época e esse em particular traz o melhor de dois gêneros hahaah Adorei a sua resenha e me deixou aqui perguntando porque ainda não comecei a ler, preciso mudar isso o mais rápido possível.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Oie! Tudo bem?

    Perdi a conta de quantas resenhas já li dessa obra, ou seja, ja sei toda a história dele sem nem ler ainda! Por mais que todos falem muito bem das histórias da autora, estou com medo de realizar a leitura! Amo as capas e as premissas são ótimas, mas me falta ainda um empurrão para decidir se leio ou não!

    Bjss

    ResponderExcluir
  11. Ai que lindo!

    Fico toda encantada quando leio alguma resenha de alguma obra da Carina *_*

    Ainda não li absolutamente nada dela e ainda assim sou fã de carteirinha pela pessoa dela!!

    Perdida está na minha listinha há muito tempo e pretendo ler em breve, juntamente com as outras obras de Carina. Sei que os enredos são apaixonantes rsrsrsr

    Abraços!

    ResponderExcluir
  12. Oie
    muito legal sua resenha, já li dois da autora e esse era o que mais queria e hoje em dia não sou mais tão curiosa por esse mas ainda assim leria caso tivesse oportunidade, bela dica

    beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oie....
    Ótima sua resenha!! Aquele momento "até hoje estou enrolando para realizar a leitura desse livro..." #Vergonha haha
    Sua resenha já me deixou arrependida de ainda não ter lido.
    #Partiuleitura
    Cantinho da Bruna

    ResponderExcluir
  14. Oi, Dryh

    Também demorei à beça para ler Perdida, mas assim que li me apaixonei. E Ian é maravilhoso mesmo, mozão literário! Eu curti a Sofia também, a única coisa que me irritou foi o excesso de gíria que ela fala. Espero que você curta Encontrada, eu dei três estrelas pra ele pq achei que a Carina encheu muita linguiça.

    Beijo

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que vejo muita gente falando sobre esse livro, mas até então não sabia muito sobre a história em si, embora a obra sempre tenha chamado minha atenção. Achei hilário o celular transportar ela e a Sofia parece ser uma ótima personagem mesmo e você me deixou curiosa para conhecer o Ian, quero saber se elevai virar meu crush literário número 1 também kkkkk Enfim, espero ler em breve e gostar também.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  16. Olá, tudo bom?
    Adivinha outra leitora que está enrolando horrores com esse livro? Euzinha! Lendo sua resenha, tenho a certeza de que serei a próxima a me arrepender por não ter lido esse livro antes! Amo romances de época, então, tenho certeza que vou amar este que envolve personagem do passado e do futuro (ou presente rs) e ainda mais com um possível crush literário a vista. Quero muito conhecer essa personagem hilária e toda a história! Amei sua resenha!

    Beijos!
    @PollyanaCampos
    Entre Livros e Personagens

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Amo a Carina Rissi! Adoro os livros dela e já tem um tempo que estou querendo adquirir este livro. Apenas de querer ler Perdida, acredita que nunca li uma resenha sequer do livro? É a primeira vez, mas sei bem como os livros da autora são bons.
    Bjs.

    www.salaliteraria.com.br

    ResponderExcluir
  18. Sempre leio coisas boas a respeito dessa série de livros da autora Carina Rissi. Algumas vezes até me vi tentada a comprá-los, mas sempre acabo percebendo que não é muito meu estilo...

    E agora, lendo a sua resenha, me lembrei de Outlander... É basicamente o mesmo enredo: menina do futuro vai parar no passado e é ajudada por um bonitão que imagina que ela foi assaltada... E pelo que li, você também notou enredos parecidos, haha!

    Apesar de toda sua empolgação com a leitura, não sei se realmente quero lê-lo...

    Abraços!
    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir
  19. Eu demorei para ler esse livro, pq julguei ele pela capa mesmo e ela não me atraia em nada, mas quando superei isso e fui ler o livro, que tombo.

    Adorei a escrita da Carina, é fluída e empolgante e cara o que é a Sofia?

    O livro é muito divertido e o enredo ficou uma coisa meio outlander que eu amei.

    Bjs
    www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
  20. Eu também tenho enrolado para ler esse livro, mais vou buscar ler o quanto antes, depois de conferir tua resenha. O livro realmente tem personagens envolventes e este final que você citou, conseguiu me deixa bem intrigado para descobrir o que se desenrola. Parece ser um livro alegre e apaixonantes, e mesmo não gostando do Gênero, acho que vou arriscar.

    ResponderExcluir
  21. Oieee!
    Não conhecia esse livro, mas só pela sinopse já acheii interessante!
    Fico imaginando as confusões em que Sofia se meteu e no quanto sentiu falta da tecnologia enquanto estava no séc. XIX!!
    A parte do romance também parece ser super fofa, e Ian realmente parece um gentleman de tirar o fôlego hehee
    Obrigada pela dica!

    Um beijo

    www.asmeninasqueleemlivros.com

    ResponderExcluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...