De olho no autor #22: Raquel Machado

Quem aí lembra da Raquel Machado? Nós fechamos parceria com ela em dezembro, e semana passada (se não me engano) postei a resenha do livro dela, Vingança Mortal, aqui no blog. Ela estará conosco no De olho no autor de hoje \0/


1.  Como foi seu primeiro contato com a leitura? 
R.M.: Minha mãe sempre foi minha grande incentivadora, como sempre digo, foi ela que me ensinou a “ler corretamente” fazendo a interpretação de texto, com pontos, vírgulas e etc. Lembro que uma das primeiras coleções que ela comprou para mim foi do Monteiro Lobato que tenho até hoje.

2.  Quando você começou a escrever? 
R.M.: Escrevo desde sempre, desde que me “conheço por gente”. Fui daquele tipo de criança que vivia com um lápis e papel na mão, rabiscando minhas histórias. Então minha história com a escrita vem do berço.

3.  Quem inspirou os personagens? Algum ator, atriz, conhecido...
R.M.: Não tive nenhuma inspiração específica, eles simplesmente nasceram da minha imaginação. Como faço teatro desde cedo, tenho o costume de observar as pessoas seu modo de agir, então talvez tenham sido parte das várias observações que fiz também.

4.  Você se divertiu enquanto escrevia o livro?
R.M.: Sempre me divirto enquanto escrevo meus livros, para mim escrever é um prazer. Fico imaginando as cenas e os personagens e quando vejo já estou envolvida com a história. Acredito que se eu me divirto com minha história, meus leitores se divertirão também.

5.  Quanto tempo levou para escrever seus livros e como foi a experiência? 
R.M.: Nossa essa pergunta é difícil, pois escrevi o Vingança Mortal em 2001, isso fazem alguns anos já. O Vingança nasceu como um pequeno conto, e somente ano passado (2014) eu decidi publicá-lo. O processo entre revisar e publicar demorou em torno de seis meses. O processo de publicação com certeza foi um grande aprendizado, pois como fiz tudo de maneira independente tive que aprender bastante. Valeu muito a pena!

6.  Quais são as dificuldades para que um autor consiga ter seu livro publicado e conhecido no mercado literário brasileiro? 
R.M.: São várias. Infelizmente hoje em dia ainda temos muitos problemas nessa questão. Ser reconhecido hoje é uma tarefa bem árdua, visto que a quantidade de livros lançados por mês é enorme, então pense que você será apenas mais uma formiguinha no meio de tantas, e o que fazer para se destacar? Hoje em dia o escritor não pode mais viver enclausurado em seu mundinho, ele tem que sair e dizer para todos que existe, o que requer muitas vezes certa criatividade e muita perseverança. Além disso, é claro nos esbarramos no difícil processo da publicação, hoje conseguir uma editora não é o fim dos problemas, pois sempre tem gastos envolvidos em tudo. Você precisa acreditar muito no seu potencial e encontrar a melhor maneira o possível para tornar esse sonho realidade.

7. Para você, qual a melhor coisa em escrever?
R.M.: Tudo. É difícil explicar a sensação que tenho quando escrevo minhas histórias, e como se estivesse criando meu próprio mundo e conhecendo novos amigos. E algo simplesmente mágico. Desde o momento da ideia até sua concepção no papel.

8. Sei que essa pode ser uma pergunta difícil, mas qual seu livro preferido? Pode ser um dos seus, ou de algum colega escritor...
R.M.: Essa pergunta realmente é complicada...rsrs. Nossa tenho tantos livros favoritos. Posso citar dois. De internacional tenho que citar a série das Brumas de Avalon, da Marion, acho simplesmente maravilhosa essa história. E de nacional sou apaixonada e fã dos livros da Paula Pimenta da série Fazendo meu Filme.

9. Se fosse um personagem, qual seria? Por quê?
R.M.: Vixi, nunca pensei sobre isso. Mas gosto muito da Katniss do Jogos Vorazes, por sua coragem e determinação. Além de ela ser bem ligada a sua família. Acho que tenho um pouco dela nisso.

10. Além de escrever, você também lê bastante?
R.M.: Sim, como sempre digo antes de ser um bom escritor temos que ser ótimos leitores. Como sou blogueira também, leio muito, de tudo um pouco. Hoje devo ter mais de 200 livros lá em casa para ler (sim isso me assusta um pouco...rsrs...quero outra vida para ler tudo que tenho), e de diversos gêneros, incluindo nacionais e internacionais.


11. Qual livro nacional você recomenda? Por quê?
R.M.: Nossa são tantos, como acompanho vários autores nacionais sei que temos muita coisa boa por aqui. Posso citar alguns: Paula Pimenta, Marina Carvalho, Carina Rissi, Pedro Guerra, Marson Alquati, Gislaine Oliveira, Claudia Hackbart, Marcia Canivello...

12. Poderia nos contar um pouco dos seus livros?
R.M.: Como comentei escrevo desde criança e tenho várias histórias pré-prontas no computador para serem revisadas, e quem sabe um dia publicadas. Mas vou me ater a falar do meu livro lançado o Vingança Mortal, que é uma história suspense policial ambientada no interior do RS (meu estado). Em Vingança Mortal somos jogados em uma teia de mentiras e segredos, onde o ponto principal é descobrir o verdadeiro motivo de um assassinato, porém muitas coisas estão envolvidas nessa questão e no fundo ninguém é realmente o que aparenta ser, e todos escondem terríveis segredos sendo alguns deles fatais.


13. Tem algum trabalho futuro chegando? Poderia nos falar um pouco dele ou é segredo?
R.M.: Sim. Quero publicar esse ano um livro chamado “Histórias do Povo”, que será uma coletânea de contos, todos relacionados ao dia-a-dia das pessoas, onde o próprio leitor poderá escolher o final para as histórias, como nos livros de RPG. Nele teremos situações como: Será que caso ou compro uma bicicleta? Será que sigo a dieta ou me acabo nos doces? Será que ligo no dia seguinte ou não? Estou bastante entusiasmada com esse projeto e espero que os leitores gostem dele também.

*   *   *   *

19 comentários

  1. Eu não conhecia a autora, mas confesso que gostei muito de conhecer, é bom quando a gente é incentivado desde criança a fazer algo de bom, eu pelo menos nunca fui e nao gosto de ler hj, outra coisa é como a nossa imaginação não tem limites, pois ela escreveu sem inspiração apenas da sua imaginação. Adorei
    http://clubedabelezaemaquiagem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. parabéns pela parceria e pelas novidades, isso é muito legal de acompanhar, pois é interessante ver como a literatura nacional ta crescendo!!!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Dryh!
    A Raquel é muito simpática, eu ainda não li vingança Mortal, mas espero fazer isso logo, pois a história parece ser ótima. Admiro os autores que escrevem desde cedo, é mesmo um dom, mas sair da zona de conforto de só escrever o deixar os documentos no computador para ser uma autora conhecida deve ser bem difícil...
    Bjs
    sobrelivrosesonhos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Já tinha ouvido falar desse livro e adorei ler a entrevista com a Raquel! É bom conhecer os autores mais a fundo, né?!

    PS: pra celebrar um dos lançamentos cinematográficos mais esperados do ano, tá rolando sorteio do livro Cinquenta Tons de Cinza lá no blog! Pra participar é bem simples: basta ser seguidor! Corre lá!
    http://maisumapaginalivros.blogspot.com.br/2015/01/promocao-cinquenta-tons-de-cinza.html

    ResponderExcluir
  5. Adorei as respostas. Já li o livro da autora e amei. Ela é muito talentosa!

    http://desbravadoresdelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Ola Dryh a Raquel é uma linda de simpática, sou parceira dela também, já li seu livro e adorei, envolve o leitor cheio de suspense, vou esperar sua resenha. beijos

    Adorei a entrevista ., fico feliz que ela conseguiu publicar o livro , sucesso sempre.

    beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  7. Oi, Dryh! Adoooorei a entrevista!
    Menina, não me canso de ler sobre a Raquel! Ela é uma pessoa extraordinariamente gentil e seu livro também me agradou. Eu ri sozinha quando ela mencionou a coleção do Monteiro Lobato, porque tenho um pecado que vou pagar quando morrer (exagerada). Minha mãe comprou toda a coleção quando eu era criança, mas quem disse que me interessei? Nossa, edição capa dura, formando o nome do autor pelas lombadas. Era linda! Que vergonha… ela acabou doando os livros para uma escola, porque nunca os toquei. Estava ocupada demais assistindo ao Castelo Rá-Tim-Bum. Quando tinha uns 9 anos, conheci um livro do Pedro Bandeira e a partir dali nunca mais parei de ler… Foi por acaso, enquanto fuçava nos livros dela. Acho que cada criança tem o seu tempo (rs).
    VIBREI com a notícia de um novo livro da autora!!!! /o/ Ainda mais sendo de contos que retratam a vida como ela é, e com finais alternativos. AMEI. Que venha logo!

    Beijos, flor!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Com certeza escrever um livro deve ser diversão pura, queria um talento desse.
    Ainda não entendo porque todos admiram Katniss, preciso ler JV.
    Já li resenhas positivas sobre esse livro, mas no momento não pretendo ler.

    Beijos.
    Leituras da Paty


    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem ?
    Mais uma entrevista que leio hoje super legal, estou gostando de conhecer autores nacionais.
    Que bom q estão tendo mais visibilidade não e mesmo ?
    Esse livro Vingança Mortal só pelo nome já parece ser um livro cheio de emoções rs

    beijos
    http://somandoconhecimentooficial.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oie, que bacana essa entrevista, a autora parece ser uma ótima escritora, já amei pelos trechos exibidos no post.
    Beijos^^

    ResponderExcluir
  11. Muito legal conhecer a historia da leitora, tb me lembro de quando era pequena, que vivia escrevendo do meu jeito as minhas historias, nao sei como minha criatividade foi desaparecer dpois que cresci, preciso estimular mais ela rs, sucesso para vc e a autora bjos

    ResponderExcluir
  12. Oi Dryh!

    Li a resenha do livro da Raquel e gostei bastante, com a entrevista, estou ainda mais interessada! Vou dar uma chance pois acho que vou gostar. :D

    www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
  13. Oiee.
    A Raquel esta ganhando muito destaque nas redes sociais e estou querendo ler o livro dela. Quando tiver dinheiro com certeza vou dar um jeito de lê-lo. Amei a entrevista e é bom saber que já tem livro novo em vista

    Beijos
    www.amorliterario.com

    ResponderExcluir
  14. Oii, tudo bem?
    Eu tenho ouvido falar muito da Raquel ultimamente, estou doida para ler o seu livro, mas infelizmente eu estou sem dinheiro esses dias, mas assim que possivel vou compra-lo.

    www.fonte-da-leitura.blogspot;com.br

    ResponderExcluir
  15. Olá....
    A Raquel é muito simática e atenciosa... fechei parceria com ela a pouco tempo e pretendo ler logo o livro dela... tenho ouvido e lido bastante coisas sobre o livro e minha curiosidade tem sempre crescido... gostei da entrevista pela simplicidade da autora... e pelos desafios que ela deve ter enfrentado para que o livro estivesse em nossas mãos e concordo com ela sobre o trabalho árduo... a nossa literatura tem crescido muito... mas as oportunidades não são tão crescentes assim... então o autor que tem seu grande sonho e acredita as vezes tem que seguir o caminho de lançar independente mesmo... conhecer um pouco da autora foi maravilhoso... Xero!!!

    ResponderExcluir
  16. Oie, tudo bom?
    Sou parceira da autora e foi muito bacana acompanhar a entrevista. Realmente, como ela disse, o autor tem que batalhar muito para se superar entre tantos autores talentosos. Achei bacana ela curtir Fazendo meu Filme, pois é uma série que curto muito. Eu gostei bastante da escrita da Raquel e desejo muito sucesso na carreira dela.
    Beijos,
    http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oi, tudo bem? Adorei conhecer a Raquel um pouco melhor.
    Minha mãe também foi minha grande incentivadora na leitura, e só tenho a agradecer.
    Gostei de saber como Vingança nasceu, e nossa, o conto original já foi escrito a bastante tempo mesmo, rs.
    Eu gosto muito da Katniss, mas não queria se ela não, Deus me livre dos jogos, kkkkk
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Olá Dryh!
    Tudo bem?
    A Raquel parece ser uma fofa.
    Eu amei a entrevista e quero muito ler o livro dela.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  19. Oi Dryh,
    Adorei a entrevista com a autora, ela é super simpática.
    O livro me interessou muito, só não curti muito a capa ;/

    Beijos,

    http://www.lendoeesmaltando.com

    ResponderExcluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...