De olho no autor #19: Fátima Rosalina



Oiê


No De olho no autor de hoje conheceremos um pouco mais da Fátima, autora do livro Mulheres Guerreiras, já resenhado no blog (AQUI)



1.  Quando você começou a escrever? 
F.R.: Eu sempre amei escrever, mesmo antes de aprender a escrever. Daí cursei jornalismo, mas nunca tive tempo pra escrever um livro, que era um sonho antigo. Então, escrever mesmo, profissionalmente foi ano passado, quando escrevi esse meu primeiro livro: Mulheres Guerreiras.

2. Quais são suas inspirações para escrever? Tem algum autor como referência?
F.R.: Inspirações pra mim é tudo aquilo que vale a pena ser escrito, para que alguns ou muitos possam ter conhecimento e absorver de forma a contribuir com a humanidade. Eu gosto muito do Carlos Drummond de Andrade, Camilo Castelo Branco, Augusto Cury, respeito demais Monteiro Lobato e atualmente estou envolvida com o Mario Vargas Llosa.


3.   Como foi colocar no papel tudo o que você sentia e o que aprendeu durante sua vida?
F.R.: Olha, foi muito, muito emocionante. Eu ria, eu chorava, eu vibrava. Foi uma das experiências mais prazerosas que tive em minha vida.

4.  Quanto tempo levou para escrever o seu livro?
F.R.: Como eu estava vivendo meu momento sabático consegui escrever esse livro em um mês, pelo menos o que chamo de esqueleto.

5.   Para você, qual a melhor coisa em escrever?
F.R.: Pra mim é uma mistura de terapia e diversão. Na medida em que as ideias vão chegando na cabeça e você as transcreve com a exata dimensão daquilo que queria expressar, é como se fosse aquela sensação que um atleta deve ter, quando se esforça, se concentra, às vezes se sacrifica para alcançar seu objetivo, mas sempre tem a certeza que o resultado final será compensatório. Escrever me preenche inteira, me sacia, me dá prazer.

6. Qual livro você recomenda? Por quê?
F.R.: A linguagem da paixão – Mario Vargas Llosa, porque estou aprendendo muito com ele e sem dúvida, pra mim é o monstro da literatura atual. Quando eu o leio, sinto que estou tendo uma aula particular, é muito bom ler um escritor possuidor de vocação apaixonada.

7.     Poderia nos contar um pouco do seu livro?
F.R.: Na verdade esse meu primeiro livro não tinha intenção de chegar onde está chegando. Quando o escrevi, sinceramente, foi para fazer uma homenagem àquela que foi minha mestra durante uma boa parte da minha vida. O primeiro lançamento, publicado no Clube dos Autores (autopublicação), foi prestigiado por parentes e amigos, alcançando uma divulgação inesperada por mim. Daí uma editora me convidou para publicar em parceria e eu topei. De lá pra cá a coisa foi se espalhando e como o livro mescla história de vida, memórias, biografia e uma boa dose de motivação ( ele foi classificado pela editora como autoajuda, porém a maioria dos leitores  não concorda ) o público jovem tem encontrado muita afinidade. Isso está ocorrendo talvez, devido ao fato do livro contar a história real de pessoas que caminharam na vida, enfrentando todas as dificuldades possíveis e com tudo isso, não perderam sua motivação, nem deixaram de sorrir, não deixaram suas petecas caírem, entende? É um livro que te levanta, que te dá inspiração.

8. Você tem algum recado para os leitores?

F.R. Sim, eu gostaria que todos meus leitores fizessem realmente sua carta do futuro e que um dia possam me contar o que aconteceu. Vou ficar muito feliz com os resultados, tenho certeza disso!

26 comentários

  1. Bem legal a entrevista e é bacana saber que essa repercussão é inesperada mesmo para a autora. Ainda não conheço o livro, mas deve uma boa obra, já que alcançou notoriedade :)
    Parabéns e sucesso!

    ResponderExcluir
  2. Olá Dry!

    Eu amei a entrevista, é sempre bom saber mais de nossos autores nacionais.
    Eu acho bacana os livros que te motivam, que contam histórias de pessoas que enfrentaram e venceram esta grande barreira, como ela disse, não deixou a peteca cair.
    Além de tudo, escrever é uma terapia sim, maravilhoso, acho que a pior parte é a final, saber dos leitores...

    Amei a entrevista, parabéns!

    Beijos!
    De tudo um pouco

    ResponderExcluir
  3. Oi
    Legal ver essas entrevistas o seu blog, pois conhecemos mais um autor. Não conhecia a autora e nem o livro ele parece ter uma premissa interessante.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oiii Dryh. Já ouvi falar bastante no livro, mas a autora eu ainda não conhecia. Gostei da entrevista. Nos deu a oportunidade de conhecer um pouco mais sobre ela e sua história. Muito sucesso nessa estrada =D
    Beijooos
    https://profissao-escritor.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. ótima entrevista, é bem legal saber como pensa um autor em relação a sua obra.

    http://criativare-leitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Adorei a entrevista.
    Já li o livro da autora e ele é ótimo. Vale a pena conferir!

    M&N | Desbrava(dores) de livros - Participe do nosso top comentarista de janeiro. Você escolhe o livro que quer ganhar!

    ResponderExcluir
  7. Alô Dryh, já enviou meu livro JSADKSLJDASKJDASKDLJASDJKASDLJK. OI DRYHHH-PESSOA-BONITA-DO-CORE-TAMU-INDU-NÉH. Espero que esteja bem ^^
    Olha como ela está gente, nas entrevistas com os autores. Eu adorei conhecer a obra e a autora, confesso que quando vi a capa me lembrei da maravilhosa Michonne do The Walking Dead, acho que foi só eu que pensei, sou doido JHAUIHAUHAUAA. Eu adoro o clube de Autores sempre vejo inúmeras obras maravilindas lá e essa não poderia ser diferente =) Depois vou ler sua resenha da obra viu coisota, desejo enorme sucesso para vocês e quero que tu publique logo um livro MilksMilks.

    Beeeijos no core
    http://umgrandevicioliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Ola Dryh adorei a entrevista e a base dela de autores só autores de peso Carlos Drummond, não conhecia a autora e o livro, sucesso a autora. Só achei a capa escura demais, ( amo capas claras que chamam atenção ) Vou aguardar sua resenha lindona . beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  9. Realmente, escrever é uma terapia e uma diversão. Mas coloco ao mesmo tempo como tortura, haha.
    Não conheço o livro dela ainda, vou dar uma lida na sua resenha.
    :)

    Beijoooos

    www.casosacasoselivros.com

    ResponderExcluir
  10. Oii, tudo bem?
    Eu ja conhecia a autora e ela é uma fofa, merece todo o sucesso.

    http://www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Oie!
    Não conhecia o livro, mas adorei conhecer como foi o desenvolvimento da obra, os desafios que a autora encontrou, e as dicas que ela mesma deu! Adoro conhecer os autores mais a fundo ;)

    Mil beijos :*
    Blog Procurei em Sonhos

    ResponderExcluir
  12. Olá!
    Gostei da entrevista.
    A escritora parece ser muito simpática e o livro dela dever dar uma grande motivação aos leitores. Achei a capa legal. Escrever em um mês é um recorde.
    Beijinhos!
    http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Meu, amo entrevistas, sério! É massa vc poder conhecer o que inspira o autor e tal, gostei da Fatima ^^
    www.muchdreamer.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    não conhecia a autora, e adorei conhece-la um pouco. A forma como ela descreveu suas reações ao ver o livro pronto foi muito legal, imagino que seja assim mesmo, um misto de choro e euforia, deve ser incrível!
    Desejo muito sucesso para a Fátima, e que escrever continue sendo sempre sua terapia e descanso.
    beijos
    http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Nossa, em um mês ela escreveu o esqueleto! Que máximo!!! Legal saber que a autora é jornalista, assim como eu. Quem sabe eu também não desperto para a área da escrita? =)

    beijos
    Kel
    www.porumaboaleitura.com.br

    ResponderExcluir
  16. Parabéns por nos trazer mais uma entrevista, é sempre bom conhecer mais sobre os autores! Agra devo dizer que ela é ninja viu, escreveu o "esqueleto" do livro em 1 mês!
    Parabéns!!!!!

    Abraço,
    Diego de França
    www.leitorsagaz.com.br

    ResponderExcluir
  17. Oi Dryh!

    Que tudo a entrevista! Eu já estava interessada no livro depois que li sua resenha, mas com a entrevista fiquei ainda curiosa! Ah lembra que mencionei que tinha um livro parecido com esse no meu Kindle? É ele mesmo! Nem acredito, rs. A autora retirou da Amazon, mas na época consegui o meu quando está gratuito, rs. Bom saber que vou poder ler breve.

    Beijos.

    www.daimaginacaoaescrita.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. haha' espero que você goste dele, Sammy ^^

      Excluir
  18. Dryh, tudo vem?
    Como a autora é simpática e responde bem as perguntas, adorei o jeitinho dela de explicar tudo com leveza e isso nos dá a impressão clara de que o livro é tão bem escrito e tão bacana quanto as palavras agradáveis da Fátima. Bela entrevista, gostei e fiquei interessada no livro, vou procurar pra comprar.
    Beijos e parabéns, adoro entrevistas com escritores.
    Vivi
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir
  19. Olá!
    Não conhecia a autora, sucesso para ela! :D
    Bem bacana a entrevista xD

    Gabriel - http://umpapoentrepaginas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Que bacana a entrevista Dry.
    Eu ainda não conhecia a autora, mas depois desse breve "bate-papo" fiquei bastante interessada no trabalho dela :D

    beijos
    www.confraria-cultural.com

    ResponderExcluir
  21. Oiee
    Que bacana a entrevista, sempre gosto de ler para conhece novos autores.
    É tão bom quando fazemos algo sem espera tanto e acontece o oposto, pela repercussão do livro a leitura deve ser realmente boa.
    Beijos Mari - Stories And Advice

    ResponderExcluir
  22. Olá, tudo bem? Não conhecia a autora mas adorei a entrevista! Nossa, ela escreveu em 1 mês?? que legal!!! Desejo todo o sucesso a autora!!


    Beijos,

    Mari
    cantinhodeleituradamari.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  23. Dhry Flor! Achei a entrevista muito interessante! Não conhecia a autora que é linda e nem a obra, vou lá bisolhar sua resenha! Bjão

    ResponderExcluir
  24. Oi Dryh!

    Adorei a entrevista!
    Não conhecia a autora, nem o livros dela, mas adorei saber que ela conseguiu tanto destaque e repercussão!
    Nossa.. Ela escreveu o livro em 1 mês?!
    Ela tem talento mesmo hein!!!

    Parabéns pra ela e muito sucesso!!! <3

    Beijokinhas!

    ResponderExcluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...