O mago de Camelot

Titulo: O mago de Camelot
Autor: Marcelo Hipólito
Editora: Novo Século
Páginas: 151
Edição: 1
Lançamento: 2013
Sinopse: De uma infância pobre e sofrida à irresistível ascensão aos salões dos grandes reis; de um começo sem esperanças ao despertar de um poder inigualável e temido, Merlin vem a se tornar o homem mais influente da Idade das Trevas. Confidente supremo do rei Artur e maior conselheiro da corte de Camelot. Misterioso e enigmático. Amado e odiado. Druida, monge e mago. Na Britânia do Século V da Era Cristã – abandonada pela queda do Império Romano à barbárie dos invasores saxões –, Merlin surge para impor um novo tipo de rei a um povo abatido e desesperado, alterando, para sempre, não apenas o destino dos britânicos, mas de toda a humanidade. A saga de um homem determinado a erigir uma civilização de paz e justiça numa terra devastada pelo caos e pela guerra irrompe em uma aventura épica e brutal que equilibra realismo duro com doses amargas de magia.

Resenha

Merlin e seu irmão Nennius roubavam para se sustentarem, mas um dia acabaram sendo presos e jogados numa masmorra para definharem até a morte. Destino ou não, Merlin acaba se tornando um aprendiz de druida, enquanto seu irmão enfrenta a morte através das mãos desse mesmo druida.
Acompanhamos de perto, por assim dizer, o crescimento de Merlin e de seus poderes. A história se passa na Britânia, na Era Cristã no século V. Confesso que não sou fã de livros “antigos” assim, mas abri uma exceção para O mago de Camelot. A capa do livro é encantadora, e a sinopse me deixou mega curiosa, tanto que comecei a ler o livro assim que ele chegou. A leitura fluía muito rápida no começo, mas aí foi ficando um pouco cansativa.

Vortigern é um traidor que roubou o reino, e foi ele quem capturou os irmãos para um sacrifício, no qual Nennius morreu, e Merlin foi poupado. Algum tempo depois, Vortigern morre, e deixa seu trono para Uther, um assassino mal e sanguinário. Quando Uther tem um filho, Merlin o pega e esconde Arthur por anos, até que decide que o garoto está preparado para assumir o trono, e mexendo nas vontades na Natureza, o ergue acima de todos os outros.

Merlin no começo era um personagem pelo qual eu tive uma pequena afeição, e torci para que ele conseguisse o que queria, mas depois, quando ele foi ficando um pouco vingativo e fazendo o que bem entendia, não consegui mais gostar dele. Já com Arthur foi diferente, não consegui gostar dele de jeito nenhum, sabe se lá por quê.

Como disse antes, não sou fã de histórias mais antigas, então não classificaria O mago de Camelot com nota máxima, pois não é o tipo de livro que me conquistou desde a primeira até a ultima página, mas não posso deixar de dizer que o livro é bom.
MilkMilks
Dryh Meira

8 comentários

  1. Eu sou ao contrário de você, amo histórias antigas kkkk
    Sou doida por esse livro, queria muito, muito mesmo ler.
    Gosto do tema, da capa e me bate uma mega curiosidade para conhecer mais dessa história.
    beijos
    http://www.letrasdanana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. a capa é liinda mesmo, sou apaixonada por ela ♥

      Excluir
  2. Olá.
    Que pena que não goste de histórias antigas rs, mas adorei sua resenha.
    O autor parece que modificou legal a história e gostaria de conferir rs, eu não gostei da capa e olhando somente o nome nem parece que é esta história rs.

    Beijos
    http://de-tudo-e-um-pouco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. na primeira vez em que vi a capa, pensei que a história seria como Eragon *-*

      Excluir
  3. Oi Drhy.
    Eu nunca li nada sobre Merlin, mas como não sou chegada a histórias antigas, acho que não conseguiria levar essa leitura até o fim.

    Essa maratona é bem interessante, tenho visto muita divulgação e videos sobre ela, mas como eu nunca consigo levar um desafio até o fim, sempre travo, nem vou tentar.
    Boa sorte e boa leitura.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. esse foi o primeiro livro sobre Merlin que eu li, e posso dizer que não sou muito fã *-*

      Excluir
  4. Eu adoro livros com temática medieval, pena que vc não gostou, mas tenho muito curiosidade em ler este livro em breve!

    bjo bjo^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. desse gênero acho que eu prefiro filmes...rsrs'

      Excluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...