Especial The Walking Dead

Oie pessoal ^^
Não consegui postar nada nos últimos dias, mas hoje consegui um tempinho ^^ para compensar os posts que ficaram para trás, vamos falar um pouco de The Waling Dead?

The Walking Dead estreou em 31 de outubro de 2010, no canal de televisão a cabo AMC, nos Estados Unidos.

The Walking Dead é uma série de televisão dramática e pós-apocalíptica norte-americana, desenvolvida por Frank Darabont e baseada na série de quadrinhos de mesmo nome por Robert Kirkman, Tony Moore e Charlie Adlard. A série é protagonizada por Andrew Lincoln, que interpreta Rick Grimes, um vice-xerife que acorda de um coma e descobre-se em um mundo pós-apocalíptico dominado por zumbis. Ele sai em busca de sua família e encontra muitos outros sobreviventes, ao longo do caminho. O título da série refere-se aos sobreviventes, e não os zumbis.
The Walking Dead é uma das minhas séries favoritas, e felizmente, vem ai em Outubro a tão esperada 4ºtemporada. Só para se ter uma noção básica do que acontece na série, é um apocalipse zumbi, mas diferentemente de outras séries e filmes, nós não ficamos sabendo o que gerou esses zumbis, só que, de uma hora para a outra, tudo aconteceu. Rick era um xerife que levou um tiro e entrou em coma, acordando, pelo o que parece, muito tempo depois, se deparando com um mundo repleto de "pessoas" mortas e devoradoras de carne. Mas o engraçado, é que nem carne os zumbis comem direito, eles parecem ter sido "feitos" para matar, não comer.
Sozinho no meio dos zumbis, Rick começa a procurar sua esposa e filho que sumiram, deixando a casa onde eles moravam vazia. Fazendo amigos pelo caminho, e tendo seu "senso de liderança", ele vai ficando cada vez mais mandão e chato. Com um grupo de sobreviventes, eles começam a "passear" pelas cidades, matando uns zumbis aqui e ali, em busca de comida e de outros sobreviventes.

Alguns zumbis (denominados errantes pelos personagens) são realmente assustadores, e dá um arrepio ver aquela "coisa" na tv, te encarando (ás vezes fica até um pouco difícil de dormir..rsrs) mas outros nem dão medo. As maquiagens são perfeitas, alguns nem parecem ser pessoas vestidas e maquiadas.



De todas as temporadas, a primeira foi a melhor. Parecia ter mais conteúdo e mais drama, acho que ela se encaixa mais no perfil apocalíptico. A terceira temporada mais pareceu uma Malhação, quase não acontecia nada, episódios quase parados e parecendo uma novela, um ou outro se salvavam. Mas ainda assim  mal vejo a hora de assistir a 4ªtemporada, que parece ser a melhor.
Elenco da 3ªtemporada
Daryl, meu personagem favorito ♥

The Walking Dead - A ascensão do governador

Titulo: The Walking Dead – A ascensão do governador
Autores: Robert Kirkman e Jay Bonansinga
Editora: Galera
Páginas: 361
Edição: 9
Lançamento: 2013
Sinopse: No universo de The Walking Dead não existe vilão maior do que o Governador, o déspota que comanda a cidade de Woodbury. Eleito pela revista americana Wizard como "Vilão do ano", ele é o personagem mais controvertido em um mundo dominado por mortos-vivos. Neste romance os fãs irão descobrir como ele se tornou esse homem e qual a origem de suas atitudes extremas. Para isso, é preciso conhecer a história de Phillip Blake, sua filha Penny e seu irmão Brian que, com outros dois amigos, irão cruzar cidades desoladas pelo apocalipse zumbi em busca da salvação.

Resenha

Todos já devem ter ouvido falar da série The Walking Dead, sucesso no mundo todo, e tenho certeza de que, quem vê e adora a série, se pergunta como pode alguém ser tão ruim quanto o Governador, o homem que é o chefão de Woodbury, uma pequena cidade que está livre de Mordedores (ou errantes). O homem é louco mesmo!!!

Nesse livro ficamos sabendo o por que dessa loucura toda, e desse ódio pelos seres vivos, e pelos mortos. Phillip era mais um sobrevivente, que só estava vivo para manter sua filha, Penny, em segurança. Ele tinha um irmão, chamado Brian, e com eles viajava Nick e Bobby, dois amigos. Brian é o contrario de Phillip. É super medroso, ás vezes parece até mais medroso que Penny, e sua única função no grupo é cuidar da menina. Nick e Bobby conhecem Phillip desde muito tempo, e esse é um dos motivos pelos quais eles decidiram viajar com o amigo.


Assim como na série, os personagens estão indo para Atlanta, pois disseram que lá havia um centro de sobreviventes, e que a cidade estava livre de mortos vivos, em busca de uma vida sem monstros horríveis. A história é assustadora, principalmente se conseguimos imaginar os errantes como na série, todos despedaçados com partes do corpo faltando. ECA

O governador, ou Phillip, no começo não era louco, mas o tempo foi passando e passando, e ele foi sofrendo traumas muito grandes, principalmente quando ocorreu o que ele mais temia, e seu mundo desmoronou por completo, deixando - o completamente sem noção das coisas e completamente louco. Eu não esperava o final que teve, pensei que seria bem diferente, mas quando cheguei nas ultimas páginas, fiquei horrorizada com o que aconteceu.


Brian muitas vezes quis deixar o irmão, principalmente quando ele começou a enlouquecer, mas amor de família é amor de família né? E foi por isso que ele continuou sempre por perto, defendendo o irmão, por mais que as coisas que Phillip fizesse fossem horríveis.

A história em si é muito boa, mas também é um pouco enrolada, e fica cansativa, e deve ser por isso que muitas pessoas dizem que o livro é ruim. Mas o livro não é ruim, muito pelo contrário, é muito bom. Mas não chega a ser um máximo.


The Walking Dead - O caminho para Woodbury
Não leia se você ainda não leu o primeiro livro!!!


Titulo: The Walking Dead – O caminho para Woodbury
Autores: Robert Kirkman e Jay Bonansinga
Editora: Galera
Páginas: 331
Edição: 1
Lançamento: 2013
SinopseHá alguns meses que Philip Blake, o temido e ao mesmo tempo adorado Governador, organizou Woodbury para que a cidade murada fosse um local seguro no qual as pessoas pudessem viver em paz em meio ao apocalipse zumbi. E paz e segurança é tudo que Lilly Caul, que tenta desesperadamente sobreviver a cada dia que nasce, quer. Porém, mal sabe ela que seguir em direção a Woodbury é estar a um passo do perigo. Uma horda de errantes famintos não é nada perto do que se pode encontrar por lá.

Resenha

Neste livro contamos com a (bela) trágica história de Lilly, uma sobrevivente que estava sempre mudando de lugar, até se fixar em um acampamento cirquense. Lá ela acaba se apaixonando por Josh... Bem, apaixonar é uma palavra meio forte, na verdade ela se sentiu muito atraída por ele, e vice e versa. Lilly sempre fora medrosa, e quando o apocalipse começou, ficou ainda mais, e uma de suas únicas funções no grupo era cuidar das crianças. Por um motivo não muito correto, Lilly e Josh vão embora, e com eles vão Bob, Megan e Scott, seus amigos.

Em comparação com o primeiro livro, esse é um pouco melhor. Mesmo que Lilly seja muito medrosa, Josh compensa com a ação. Como todos os outros sobreviventes, eles procuram um lugar seguro, onde estejam longe dos errantes, ou mordedores, mas já fica bem claro que não existe esse lugar, nem mesmo longe das cidades, pois é lá que os animais vivem, e os errantes são atraídos por barulhos e pelo cheiro.

Phillip, ou Brian, agora é o temível Governador de Woodbury, a cidade que está protegida dos errantes. Mas seus moradores não sabem o que realmente se passa na cabeça desse vilão, que faz coisas horríveis. Mais uma vez, Phillip prova que é um psicopata, e que fará de tudo para conseguir o que quer, nem que para isso precise manchar sua imagem de chefão.

“Lilly estremece. Ela percebe que agora todos são monstros – todos eles – incluindo ela e Bob. Agora Woodbury é o monstro” - página 235

Muitas vezes Lilly se perguntava se a cidade realmente era um lugar seguro, mas por dentro sabia que não continuaria ali por muito tempo, não se as coisas continuassem fora de ordem, e as pessoas continuassem violentas. A história continua horripilante, e quase roí minhas unhas (que parei de roer há algum tempo) de tanta ansiedade. Principalmente quando o livro acaba com aquele famoso “e agora? O que eu vou fazer antes que o próximo livro lance?”. Os autores sabem como deixar os leitores assustados e ansiosos ao mesmo tempo.

Mesmo que eles descrevam muito pouco sobre os personagens, é bem provável que o leitor se apaixone por algum deles, e no meu caso foi por Josh e por Martinez, que na série é um dos cachorrinhos do Governador.

Bom, por hoje é isso pessoal *-*

MilkMilks
Dryh Meira

9 comentários

  1. Adoro essa serie, desde o primeiro episódio já me apaixonei por esses zumbis super fofos kkk. O personagem que mais torço e gosto é o Daryl,
    quero muito ler o livro,
    bjs
    http://www.loveebookss.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rsrs fofíssimos ♥ Daryl é uma paixão, amo muito ele ♥

      Excluir
  2. HAAAAAA!!!!! Amei esse especial TWD!!!!! menina, que perfeição!!!! Amei, amei, amei!!!!
    Quem não gosta do Daryl neh? No começo, eu nutria alguns sentimentos duvidosos por ele, mas depois, foi só amor mesmo! kkkkkk <3

    Tenho os dois livros mas ainda não li! É tanto livro pra ler que até me esqueço, vou colocá-los a vista que dai eu não esqueço!!!!


    bjo^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ebaa, que bom que você gostou Ana ^^ eu também não ia muito com a cara dele, gostava mais do Shane ♥

      Excluir
  3. amo essa serie
    e só li o primeiro livro até agora
    vou ver se compro o segundo
    curti a postagem
    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  4. Oi Dryh!
    Eu adoro TWD, é uma de minhas séries preferidas! As temporadas que mais gostei foram da 1ª e da 2ª, acho que principalmente da 2ª! Vc já viu a primeira metade da 5ª? Eu odiei aquele final...Tô revoltada até agora! hehe
    Beeejo!

    PS: tá rolando um sorteio do livro A Garota que Eu Quero, lá no blog! Pra participar é bem simples: basta ser seguidor! Corre lá!

    http://maisumapaginalivros.blogspot.com.br/2014/11/promocao-ano-novo-livro-novo.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. as primeiras também são as minhas favoritas, principalmente por causa do Shane ♥ ele era phoda! Também odiei o final da 5ª, e o pior é que o povo está pedindo pra trazerem a B de volta --'

      Excluir
  5. Ai, Dryh, me abraça <3
    Eu amo The walking dead <3
    Acredita que eu tinha um certo preconceito com qualquer coisa que a história envolvia zumbis? Podia ser livros, filmes, séries...Enfim. Twd mudou isso!
    Você já ouviu falar numa nova série que também envolve zumbis? o nome é Z nation, assisti aos dois primeiros episódios mas não curti muito, porém, gosto é gosto, né? Pode ser que você goste!
    Ansiosíssima pela próxima temporada \O
    Beijos <3
    http://bloggpaginassecretas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ~abraçando~ já siim, ZNation é bem legal, mas os primeiros episódios são fraquinhos mesmo. adoro zumbis...haha'

      Excluir

Oiê! Muito obrigada por passar por aqui, deixe um recadinho com o link do seu blog e a gente dá uma passadinha lá mais tarde :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...